Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

TAM é certificada pela ANAC para manutenção de aviões Boeing

Companhia fará manutenção, reparo e revisão de aeronaves da empresa americana em seu centro tecnológico

Agência Estado,

22 de outubro de 2009 | 15h51

O centro tecnológico da TAM, onde são feitos manutenção, reparo e revisão de aeronaves, foi certificado nesta quinta-feira, 22, pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) para prestar serviços a aeronaves Boeing 767. Segundo a TAM, essa é a primeira homologação para a estrutura completa, exceto motores, de aeronaves Boeing.

 

"Já estávamos autorizados a trabalhar com os componentes tanto do B777 quanto do B767, além de fornos dos B737. Com a nova homologação, poderemos estender esses serviços e realizar os checks C e D nos B767", afirmou, em nota, o vice-presidente do centro de manutenção, Ruy Amparo.

 

A empresa também é certificada pelas autoridades aeronáuticas dos Estados Unidos (Federal Aviation Administration - FAA), da Europa (European Aviation Safety Agency - EASA), do Brasil (ANAC) e de diversos países da América do Sul para realizar todas as grandes manutenções programadas (checks C e D), exceto motores, em aeronaves Airbus A318/319/A320/A321 e A330. Tais serviços são direcionados não só à frota da TAM, mas também a aviões de terceiros.

 

Instalado na cidade de São Carlos, no interior do Estado de São Paulo, o Centro Tecnológico da TAM ocupa uma área própria de 4,6 milhões de metros quadrados. Além dos hangares para manutenção, o complexo abriga oficinas para a revisão de mais de três mil componentes aeronáuticos.

Tudo o que sabemos sobre:
TAMcertificaçãoBoeingANAC

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.