TAM elevará preço de passagem em 5% a 7%

A TAM anunciou que os preços das passagens deverão subir este ano, para compensar a alta do petróleo e o impacto da valorização do real na operação da empresa. A combinação de forte concorrência no mercado doméstico, com o real forte e a alta recorde do petróleo fez o lucro líquido da TAM despencar 95,53% no primeiro trimestre. A empresa registrou lucro de apenas R$ 2,6 milhões.Segundo o diretor-financeiro da TAM, Líbano Miranda Barroso, a empresa deverá reajustar o chamado "yield" (valor pago por passageiro por quilômetro voado) em 5% no mercado internacional e em 7% no mercado doméstico. ?O reflexo nos preços das tarifas deve ser diluído ao longo do ano?, afirmou Barroso, destacando que, mesmo com os aumentos, os preços das passagens devem ficar abaixo dos patamares de 2006. ?Em 2007, os preços das passagens ficaram 19% abaixo dos preços de 2006. Se levarmos em conta a inflação média de 4%, significa que, em termos reais, os preços ficaram 23% abaixo dos valores cobrados em 2006.?De acordo com o executivo, os reajustes já estão ocorrendo, mas os maiores repasses devem vir a partir do segundo semestre de 2008, quando a demanda no mercado interno está mais aquecida. Na comparação ano a ano, as tarifas ("yield") já subiram 5% no primeiro trimestre. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.