finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

TAM negocia parceria com empresa para rotas no Sul

A TAM deve anunciar nas próximas semanas uma nova parceria com uma empresa regional para atender rotas no Sul do Brasil. De acordo com o diretor-financeiro e de Relações com Investidores da TAM, Líbano Miranda Barroso, atualmente a empresa já mantém acordo semelhante com a Trip, Total, Passaredo e Pantanal, que permitem um único check-in e despacho de bagagem. "O Objetivo é oferecer destinos para onde não atuamos", disse.A parceria com a Ocean Air, no entanto, foi interrompida recentemente. O executivo não revelou o motivo. O diretor disse que acredita no modelo de empresa aérea regional e que há potencial de crescimento no mercado brasileiro para projetos que utilizem aviões de até 100 lugares. Barroso lembrou ainda que o governo já demonstrou intenção de incentivar o segmento.DuopólioQuestionado sobre o duopólio de TAM e Gol no Brasil - juntas as duas empresas detém 93% do mercado - Barroso destacou que o crescimento da empresa ocorreu de maneira orgânica, com aumento da oferta e captura de passageiros de outras companhias. "É importante dizer que, apesar da concentração, os preços das passagens caíram significativamente nos últimos quatro anos", disse. Barroso ressaltou ainda que o cenário brasileiro não é diferente de outros mercados como Austrália e Canadá. O executivo lembrou, no entanto, que o setor exige capital, pessoal, energia e tecnologia intensiva. "Precisamos de escala para operar nesse segmento"Em relação à restrição do governo argentino para as operação da nova Varig no país, Barroso disse acreditar que a situação é temporária e deverá ser normalizada. "A TAM está operando em condições normais para a Argentina", disse. O executivo lembrou ainda que a empresa fechou recentemente uma parceria com a Lan Chile que está em fase final de implementação. "Teremos juntas 66% da oferta na América do Sul", destaca.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.