coluna

Dan Kawa: Separar o ruído do sinal é a única forma de investir corretamente daqui para a frente

Tarifa da Cia. Cataguases-Leopoldina sobe 15,94%

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou que autorizou reajuste de 15,94% para as tarifas de energia da Companhia Força e Luz Cataguases-Leopoldina. As novas tarifas entram em vigor amanhã. A distribuidora atende cerca de 285 mil unidades consumidoras em 65 municípios de Minas Gerais e em duas cidades do Rio de Janeiro. Segundo a Aneel, para o cálculo do reajuste foram levados em conta os custos não-gerenciáveis como a energia comprada das geradoras, a conta de consumo de combustíveis (CCC), a reserva global de reversão (RGR), a taxa de fiscalização e os encargos de transmissão. Além disso, foram considerados os custos gerenciáveis sobre os quais incidem o IGPM. A Aneel informou também que o índice de correção não inclui a tarifa extra cobrada para compensar as perdas com o racionamento de energia. A tarifa extra é de 2,9% para as residências e de 7,9% para as indústrias.

Agencia Estado,

17 de junho de 2002 | 16h57

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.