Tarifa limita queda de preço

Quando alguém liga para um celular, a operadora que origina a chamada paga a tarifa de interconexão VU-M para a operadora que recebe. O valor da VU-M é alto porque, na época em que foi criada, o serviço de telefonia móvel estava começando e, com o valor da interconexão, a telefonia fixa, que já era um serviço estabelecido, financiava o serviço novo.

O Estado de S.Paulo

28 de outubro de 2011 | 03h07

Muitos apontam a VU-M como o instrumento que permitiu o crescimento do pré-pago no Brasil. Os clientes que usam o celular principalmente para receber chamadas acabam sendo interessantes para as operadoras por causa da receita gerada pelas ligações que recebem. A interconexão tornou-se, dessa forma, uma fonte importante de receita para as empresas de telefonia móvel.

Apesar disso, a VU-M acabou sendo, na prática, o piso para o preço das ligações de celulares para outras operadoras. O Brasil tem uma das maiores tarifas de celular do mundo e, ao lado dos impostos, a VU-M é um dos motivos para isso. A redução da VU-M deve levar a tarifas menores.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.