Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Taxa de desemprego cai para 8,3% em dezembro

A taxa de desemprego apurada na média das seis principais regiões metropolitanas do País caiu para 8,3% em dezembro ante 9,6% em novembro, segundo divulgou o IBGE. Em dezembro de 2004, a taxa também havia sido de 9,6%. A taxa de dezembro de 2005 representou a primeira queda significativa, depois de ter ficado seis meses praticamente inalterada, e chegou ao nível mais baixo desde março de 2002.O número de ocupados nas seis regiões ficou em 20,2 milhões, igual ao registrado em novembro, mas 2.4% maior do que dezembro de 2004. O número de desocupados chegou a 1,84 milhão de pessoas, pela primeira vez abaixo dos 2 milhões na nova série da pesquisa mensal de emprego do IBGE. O número de desocupados caiu 13,6% em dezembro ante novembro e 12,3% ante dezembro de 2004. A taxa média de desemprego mensal em 2005 ficou em 9,8% ante 11,5% em 2004. Rendimento cresce 1,8% em dez/05 ante nov/05O rendimento médio real dos trabalhadores nas seis principais regiões metropolitanas do País chegou a R$ 995,40 em dezembro, com aumento de 1,8% ante novembro e de 5,8% em relação ao mesmo mês de 2004. Outro dado positivo apresentado pela pesquisa mensal de emprego do IBGE foi o crescimento de 2% no número de empregados com carteira assinado em dezembro ante novembro e de 6% em relação ao mesmo mês de 2004.No ano de 2005, o rendimento médio foi de R$ 972,61, com alta de 2% em relação à média de 2004.

Agencia Estado,

26 de janeiro de 2006 | 12h59

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.