Taxa de desemprego da Itália cai para 12,0% em julho

A taxa de desemprego na Itália caiu ligeiramente em julho ante junho, apesar de o desemprego entre jovens continuar subindo, segundo dados preliminares do Instituto Nacional de Estatística (Istat). A taxa de desemprego recuou para 12,0%, de 12,1% em junho.

AE, Agencia Estado

30 de agosto de 2013 | 06h14

A taxa de desemprego entre os jovens com idades entre 15 e 24 anos subiu para 39,5%, alta de 0,4 ponto porcentual ante o mês anterior e 4,3 pontos a mais que no mês correspondente do ano anterior, disse Istat.

O número oficial de desempregados da Itália ficou em 3,76 milhões em julho, queda de 0,3% ante junho, segundo a Istat.

Os italianos atualmente em um programa de subsídio salarial sancionado pelo Estado que abrange cerca de 600 mil postos não são contados como desempregados sob a metodologia da Istat.

No segundo trimestre do ano, a taxa de desemprego da Itália subiu para 12,0%, em termos não ajustados, de 10,5% no período homólogo do ano anterior. Já taxa de desemprego entre italianos com idade entre 15 e 24 subiu para 37,3% e atingiu o pico de 51% para mulheres jovens no sul. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
itáliadesemprego

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.