Taxas reduzem vantagens do Super Casa Própria

Taxas de seguro, de avaliação do imóvel e de assinatura do contrato salgadas e restrições contratuais reduzem vantagens do novo crédito imobiliário do Santander - Super Casa Própria -, em relação ao financiamento em outros bancos. Há vantagem na opção, mas menor do que parece.A nova linha reduz os juros de 12% ao ano para 10,95%, nos oito anos iniciais, e para 8,95%, a partir do 9.º, nos financiamentos acima de 40% do valor do imóvel. Para financiamentos de até 40% do valor do imóvel, as taxas caem para 9,95% e 7,95%, respectivamente. Essa regra vale para clientes que não atrasarem as prestações por período superior a sete dias. No SFH tradicional, os juros são de 12% ao ano. Compare os valores de seguros e avaliação do imóvel Para fazer a comparação, foi usado o exemplo de um imóvel de R$ 100 mil e financiamento de R$ 50 mil, por 12 anos, seguindo a amortização pela Tabela Price. No SFH com juros de 12% no BankBoston, a amortização inicial (sem seguro) é R$ 647,97. No Santander, que administra o crédito imobiliário Super Casa Própria, R$ 610,20. A diferença é de R$ 37,77. O seguro é R$ 41,36, no BankBoston, e R$ 61,75, no Santander. A prestação total sobe para R$ 689,33, no BankBoston, e para R$ 671,95, no Santander. E a diferença mensal cai de R$ 37,77 para R$ 17,38. Parte do desconto dado pelo juro menor no Santander é devolvida pelo seguro mais caro. O seguro para o exemplo é R$ 48,80, na Caixa Econômica Federal, e R$ 16,90, no Bradesco. BankBoston e Santander oferecem assistência 24 horas gratuita.A despesa inicial com avaliação e contrato também reduz as vantagens oferecidas pelo Santander. Na Caixa, no exemplo, o valor é de R$ 250,00. No Bradesco, R$ 616,77. No BankBoston, R$ 400,00. No Santander, R$ 800,00.A devolução de 20% do valor financiado no fim do contrato da Super Casa Própria também implica pagamento de juros por tempo mínimo de 15 anos. Isso porque para ter a devolução o mutuário não pode fazer amortizações extraordinárias da dívida. O plano inclui ainda sorteio mensal de R$ 20 mil.Se não quiser reduzir ainda mais as vantagens oferecidas, o mutuário deverá transferir suas operações bancárias e cartão de crédito para o Santander, para não duplicar tarifas, pois terá de abrir conta no banco, com tarifa de R$ 12,00 mensais e anuidade de cartão de R$ 84,00.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.