finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Telemar quer elevar receita com serviços inteligentes

A Telemar Rio espera elevar a participação dos chamados serviços inteligentes no faturamento dos atuais 0,05% para 1%. A receita total estimada para a empresa neste ano é de R$ 3 bi, segundo afirmou o diretor-superintendente da operadora, José Fernandes Pauletti. A maior participação será resultado do lançamento de 13 novos serviços inteligentes, anunciado hoje pela empresa no Rio. O executivo afirmou, porém, que o principal objetivo da operadora com a ampliação da convergência entre voz, Internet, dados e imagem (propiciada pelos novos serviços) é aumentar o tempo dos usuários de utilização dos serviços e, sobretudo, tornar a Telemar Rio uma referência em tecnologia em serviços de telecomunicações. Os novos serviços deverão levar o nome de Serviços Inteligentes Web e, no momento, estão sendo testados em parte da Zona Sul do Rio e Barra da Tijuca. Segundo Pauletti, o grau de digitalização da operadora no Rio atinge 92,4% da planta da empresa, enquanto nas demais 15 operadoras da holding Telemar a média é de 85%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.