Telesp lucra R$ 2,363 bilhões em 2007, queda de 16,1%

A Telesp (Telefônica) registrou em 2007 um lucro líquido de R$ 2,363 bilhões em 2007, queda de 16,1% sobre o resultado de um ano antes. A geração de caixa medida pelo Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortizações) caiu 10% no intervalo, para R$ 6,214 bilhões, conforme demonstrações financeiras divulgadas hoje pela concessionária. A margem Ebitda, uma medida de rentabilidade, ficou em 42,2%.Houve uma discreta alta, de 0,6%, na receita operacional líquida, que atingiu R$ 14,727 bilhões em 2007. O balanço mostra ainda que o investimento (Capex) consolidado até dezembro de 2007 foi de R$ 1,992 bilhão, em linha com a meta anunciada pela empresa no início de 2007."O ano de 2007 foi o ano da nossa transformação, com os devidos ajustes de custo para sermos bem-sucedidos neste novo cenário do setor de telecomunicações, em que os produtos e serviços convergentes ganharam tanto espaço", diz Antonio Carlos Valente, presidente do grupo Telefônica no Brasil e da Telesp, em nota. "E a nossa preparação para o que vamos enfrentar em 2008 começou já em 2007, na prática: lançamos a Telefônica TV Digital (por satélite) e produtos combinados, como os duos e trios, e concluímos a associação com o Grupo Abril na TVA", afirma Valente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.