Telesp puxa bolsa: -1,37%

Ao final do dia, prevaleceu a queda das ações da Telesp, que estão sendo vendidas em grande quantidade, dado o prazo de 30 de junho para a troca por papéis da Telefónica. A queda do índice da Bolsa de Valores de São Paulo foi de 1,37%.No mercado de câmbio e juros, continua a apreensão em relação ao cenário externo. Amanhã começa a reunião do FED (banco central americano) para definir o novo patamar das taxas de juros, e a expectativa de muitos analistas é a de que a taxa continue subindo nos próximos meses, chegando a um aumento de 0,5% até a próxima reunião, em agosto. A dúvida é qual será o ritmo desse aumento. De qualquer maneira, se essas análises se confirmarem, o impacto será pequeno nos mercados brasileiros.Com isso, a taxa de juros prefixados para contratos de swap com base de 252 dias úteis, o melhor indicador para taxas de juros de longo prazo, fechou em 18,91%, porcentual estável em relação a sexta-feira (18,92).O dólar, com um número pequeno de vendedores, fechou em queda de 0,16%, cotado a R$1,82.Veja uma análise mais detalhada sobre o fechamento dos mercados a seguir.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.