Temer anuncia nesta terça os quatro relatores do pré-sal

Projeto que trata da capitalização da Petrobrás terá como relator o deputado Antonio Palocci (PT-SP)

Denise Madueño, da Agência Estado,

08 de setembro de 2009 | 17h13

Já está definida a ocupação dos principais cargos das quatro comissões especiais que tratarão dos projetos que regulamentam a produção e a exploração do petróleo na camada pré-sal. Segundo informações de parlamentares que acompanharam o processo de escolha, os nomes devem ser oficialmente anunciados nesta terça-feira, 8, pelo presidente da Câmara, Michel Temer (PMDB-SP).

 

Veja também:

especialO novo marco regulatório do petróleo

especialO caminho até o pré-sal

especialMapa da exploração de petróleo e gás 

 

Um grupo de elite, composto por líderes partidários, um ex-ministro e um ex-presidente da Câmara, foi escalado para comandar as comissões que analisarão os projetos. Temer decidiu escolher um deputado de um partido de oposição - Arnaldo Jardim (PPS-SP) - para compor o grupo. Os outros cargos foram divididos entre os partidos da base.

 

O PT ficou com dois cargos. Além do PPS, receberam um cargo cada um o PMDB, o PSB, o PDT, o PP e o PR. O líder do PSDB, José Aníbal (SP), disse que os partidos de oposição (PSDB, DEM e PPS) devem desaconselhar Arnaldo Jardim a assumir o cargo, porque a escolha não foi feita proporcionalmente ao tamanho das bancadas. Temer já fez o convite a Jardim.

 

O relator do projeto que institui o regime de partilha na exploração do petróleo será o líder do PMDB, Henrique Eduardo Alves (RN), e a comissão será presidida pelo deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP), ex-presidente da Câmara e ex-líder do PT.

 

O projeto que trata da capitalização da Petrobrás terá como relator o deputado Antonio Palocci (PT-SP), ex-ministro da Fazenda, e a comissão será presidida pelo deputado Arnaldo Jardim (PPS-SP).

 

O projeto que cria o Fundo Social será relatado pelo deputado João Maia (PR-RN), e o presidente da comissão será o líder do PSB, deputado Rodrigo Rollemberg (DF).

 

O projeto que cria a empresa Petro-Sal será relatado pelo deputado Luiz Fernando Faria (PP-MG), e a comissão será presidida pelo deputado Brizola Neto (PDT-RS).

Tudo o que sabemos sobre:
pré-salrelatores

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.