Termina greve em fábrica da Volkswagen em Bruxelas

A direção e os sindicatos da fábrica da Volkswagen em Bruxelas chegaram a um acordo neste sábado para pôr fim à greve que começou na quinta-feira devido às disputas sobre o plano de reestruturação da central de produção.Após uma série de negociações com um mediador do Ministério do Trabalho, os funcionários decidiram que o trabalho será retomado a partir da próxima segunda-feira.Segundo o acordo, o Audi A1 será fabricado nas instalações a partir de 2009, o que permitirá manter pelo menos 3 mil dos 5.400 empregos, e as compensações por demissões voluntárias poderão ser pagas até então.O ministro do Trabalho, Peter Vanvelthoven, disse em comunicado que "é extremamente importante" que os trabalhadores retomem o trabalho na segunda-feira a fim de garantir a sobrevivência da fábrica.A greve começou de forma repentina na quinta-feira de manhã, após os problemas surgidos na negociação entre direção e trabalhadores sobre as condições nas quais a empresa quer reduzir a equipe e frente às dúvidas sobre o futuro da fábrica.A central de produção de Bruxelas registrou nos últimos meses importantes interrupções como um protesto contra os cortes de pessoal, anunciado pela empresa alemã, que poderia afetar cerca de 3.500 dos 5.400 empregados da fábrica.Em novembro, a Volkswagen anunciou a transferência da produção de seu modelo Golf, de Bruxelas às fábricas alemãs em Wolfsburg (norte) e Mosel (leste), o que levou a uma primeira greve.O fabricante alemão tinha avançado em sua intenção de produzir na capital belga o novo Audi A1 a partir de 2009, embora os sindicatos desconfiassem de que essa decisão ainda não era firme.O primeiro-ministro belga, Guy Verhofstadt, que havia criticado a greve porque considerou que poderia pôr em perigo a sobrevivência da fábrica, conversou por telefone na sexta-feira com os dirigentes dos sindicatos FGTB (socialista) e CSC (cristão) para manifestar a eles sua preocupação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.