Termina greve na mina de cobre Collahuasi, no Chile

Uma greve trabalhista na mina de cobre Doña Ines de Collahuasi, no Chile, acabou no início da manhã desta quarta-feira, informou a administração do local. A mina é a terceira do mundo em produção de cobre. Um grupo de trabalhadores cruzava os braços desde a segunda-feira, para protestar contra a demissão de alguns trabalhadores por estes não cumprirem certas demandas contratuais.

GABRIEL BUENO, Agencia Estado

30 de novembro de 2011 | 09h06

Mais cedo neste ano, os trabalhadores da mina Collahuasi fizeram uma greve de um dia, e em 2010 realizaram uma paralisação de 33 dias durante um processo coletivo de negociação trabalhista, na maior greve já ocorrida em uma mina particular no país sul-americano.

A mina, controlada pela Anglo American e pela Xstrata, interrompeu a maior parte de sua produção de cobre para garantir a segurança dos trabalhadores e das instalações, durante a greve iniciada na segunda-feira. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Chilegrevemina de cobre

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.