Daniel Teixeira/Estadão
Daniel Teixeira/Estadão

Termômetro Broadcast Bolsa: Expectativa de alta para Ibovespa diminui, mas ainda predomina

Entre os 12 participantes escutados pelo levantamento do Estadão/Broadcast, 50% apostam na alta do Ibovespa; definição do pós-Brexit e ata do Copom são destaques da semana que vem

Redação, O Estado de S.Paulo

12 de dezembro de 2020 | 04h00

O mercado financeiro ajustou sua perspectiva otimista para as ações no curtíssimo prazo, com uma postura mais conservadora, no Termômetro Broadcast Bolsa desta semana. Entre 12 participantes, a expectativa de alta para o Ibovespa na semana que vem ainda prevalece, com 50,00%, de 69,23% na pesquisa anterior. Os que esperam queda são 25% e os que preveem estabilidade, outros 25%. Na pesquisa passada, 30,77% projetavam variação neutra para o índice nesta semana e nenhuma resposta apontava perda. Até as 14h30 da última sexta-feira, 11, horário de fechamento do Termômetro, a Bolsa apurava valorização de 0,52% na semana.

A semana que vem deve começar já com uma definição sobre o acordo entre União Europeia e Reino Unido para o Brexit. O primeiro-ministro Boris Johnson a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, estabeleceram este fim de semana como o novo prazo final para as negociações. Ainda na agenda externa, o destaque é a decisão de política monetária do Federal Reserve (Fed, o banco central americano), na quarta-feira, 16. A semana reserva também reunião do Banco da Inglaterra e do Banco do Japão. Ainda, serão conhecidos vários dados de atividade da economia chinesa.

No Brasil, as atenções estarão voltadas à votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) no Congresso, também na quarta. Antes, na terça-feira, 15, o Comitê de Política Monetária (Copom) divulga a ata da sua reunião de dezembro. A expectativa está sobre o forward guidance, após o alerta feito pelo comunicado de que as condições para sua manutenção podem não mais estar satisfeitas caso prossiga o processo de convergência da inflação para as metas. "Além de mais detalhes sobre as projeções divulgadas no comunicado, espera-se que o documento qualifique melhor sua avaliação sobre o balanço de riscos que envolvem os próximos passos de política monetária", cometam os analistas do Bradesco.

Na quinta, o BC publica o Relatório Trimestral de Inflação (RTI). No calendário de indicadores, o Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br) sai na segunda, 14. Na sexta, o BC traz a Nota do Setor Externo de novembro. Na B3, haverá vencimento de opções sobre Ibovespa na quarta.

O Termômetro Broadcast Bolsa tem por objetivo captar o sentimento de operadores, analistas e gestores para o comportamento do Ibovespa na semana seguinte. A ideia é mostrar para o leitor a percepção dos profissionais - e não das instituições financeiras - a partir da resposta para pergunta: Qual o sentimento para o Ibovespa na próxima semana? As alternativas apresentadas são de variação positiva, negativa ou neutra.

A pergunta é enviada às quintas-feiras e as respostas devem ser encaminhadas até as 14h30 da sexta-feira. Após o encerramento do período, o departamento de Dados do Broadcast calcula o porcentual obtido a partir de cada uma das opções apresentadas pelo Termômetro. As respostas individuais dos participantes ficam em sigilo e os jornalistas não têm acesso a elas. A publicação dos resultados é feita nos serviços em tempo real do Broadcast às sextas-feiras. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.