Werther Santana/Estadâo
Werther Santana/Estadâo

Termômetro Broadcast Bolsa: mercado amplia expectativa de alta para Ibovespa

O Termômetro tem por objetivo captar o sentimento de operadores, analistas e gestores para o comportamento do Ibovespa na semana seguinte

O Estado de S.Paulo

27 de julho de 2019 | 05h00

A perspectiva de alta para o mercado de ações doméstico na próxima semana (29 de julho a 2 de agosto) voltou a ganhar espaço no Termômetro Broadcast Bolsa. Entre 25 participantes, 52,00% acreditam que o período será de ganhos para o Ibovespa, enquanto 20,00% preveem queda. Para 28,00%, o principal índice da B3 fechará a semana estável. O Termômetro tem por objetivo captar o sentimento de operadores, analistas e gestores para o comportamento do Ibovespa na semana seguinte. 

Na pesquisa anterior, 40,00% do universo tinha expectativa de alta para a Bolsa nesta semana e 20,00%, de queda, e outros 40,00% viam variação neutra. O Ibovespa acumulou perda de 0,61% na semana.

Os eventos mais aguardados nos próximos dias são as decisões do Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês) do Federal Reserve (banco central americano) e, no Brasil, do Comitê de Política Monetária (Copom). Ambos têm reunião de política monetária mercada para o dia 31. Nos Estados Unidos, a maioria dos analistas vê como mais provável uma redução de 0,25 ponto porcentual na atual taxa básica, que está na faixa entre 2,25% e 2,50%. 

No Brasil, entre 55 instituições consultadas pelo Projeções Broadcast, 51 esperam para já o início do processo de flexibilização monetária, sendo que 27 aguardam corte de 0,25 ponto, e 24, de 0,50 ponto porcentual. A Selic hoje está em 6,50%. "Esperamos redução de 0,25 ponto e um comunicado que condicionará as decisões futuras à evolução dos dados econômicos", disseram os economistas do Bradesco.

A semana terá ainda divulgação de balanços do segundo trimestre de companhias com peso importante no Ibovespa. Entre elas, Petrobras, Vale, CSN e Gol. No setor financeiro, o destaque é o resultado do Itaú Unibanco.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.