Tesouro emitiu R$ 2 bi em outubro para capitalizar a Caixa

Após vender os títulos, banco público poderá solicitar ao Banco Central autorização para aumento de capital

Renata Veríssimo, da Agência Estado,

23 de novembro de 2009 | 15h42

O coordenador-geral de Operações da Dívida Pública do Tesouro Nacional, Fernando Garrido, informou nesta segunda-feira, 23, que o Tesouro emitiu, em outubro, R$ 2 bilhões em LTN e NTN-B para emprestar à Caixa Econômica Federal (CEF).

 

Segundo Garrido, esses R$ 2 bilhões têm origem na edição da Medida Provisória 470, de 13 de outubro, que permitiu a emissão de títulos no valor de até R$ 6 bilhões para capitalizar a Caixa.

 

Após vender os títulos, a Caixa poderá solicitar ao Banco Central autorização para aumento de capital. Em troca da emissão dos títulos, o Tesouro recebe um contrato perpétuo (sem vencimento) e uma correção dos valores pelo IPCA mais 6,6% ao ano.

Tudo o que sabemos sobre:
TesourodívidaCaixa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.