Testes de estresse dos bancos gregos são adiados até fim de outubro

O Banco Nacional da Grécia, o maior daquele país, deverá completar aumento de capital de € 1,7 bilhões no próximo mês

André Lachini, da Agência Estado,

20 de setembro de 2010 | 07h43

Os testes de estresse dos bancos da Grécia foram adiados até o final de outubro, informou o Financial Times em seu website neste domingo. De acordo com o FT, o Fundo Monetário Internacional (FMI), o Banco Central Europeu (BCE) e a Comissão Europeia, junto ao Banco Central da Grécia, decidiram adiar os testes em um mês. O maior banco grego, o Banco Nacional da Grécia, deverá completar um aumento de capital de € 1,7 bilhão no próximo mês e o país fará um leilão de notas de três meses na terça-feira, informou o FT. As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.