EFE/Tata Steel
EFE/Tata Steel

Thyssenkrupp e Tata Steel vão criar segunda maior siderúrgica da Europa

Empresa poderá ter receita de 15 bilhões de euros por ano e só fica atrás da ArcelorMittal, baseada em Luxemburgo

Agências, AP

30 Junho 2018 | 12h55

A alemã Thyssenkrupp e a indiana Tata Steel firmaram neste sábado, 30, um acordo para criar uma nova empresa que vai gerenciar as operações de aço na Europa.

Sob o acordo, cada companhia irá manter uma fatia de 50% da joint venture, que terá sede na Holanda e se chamará Thyssenkrupp Tata Steel B.V. Juntas, as duas empresas poderão ter até 15 bilhões de euros por ano em receitas. 

A fusão, caso aprovada pelas agências reguladoras, irá criar a segunda maior companhia de aço da Europa depois da ArcelorMittal, que e baseada em Luxemburgo. Ela irá empregar cerca de 48 mil trabalhadores na Alemanha, Reino Unido e Holanda.

As empresas estimam que 4 mil postos de trabalho sejam eliminados com a operação, a metade deles na Alemanha. Representantes dos trabalhadores sinalizaram que aprovavam o acordo, uma vez que ele coloca fim em um longo período de insegurança. 

Mais conteúdo sobre:
Thyssenkrupp

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.