Todeschini é multada por maquiagem de produto

Por diminuir a gramatura de 15 tipos de biscoitos sem informar devidamente a redução ao consumidor, a chamada maquiagem de produto, a fabricante de alimentos Todeschini, do Paraná, foi multada hoje em R$ 532 mil pela Secretaria de Direito Econômico (SDE). A empresa tem 10 dias para apresentar recurso ao secretário de Direito Econômico, Daniel Goldberg. A informação dada pela nova administração da empresa, profissionalizada em dezembro do ano passado, é de que entrará com recurso em tempo hábil. A decisão de hoje confirma a multa aplicada de forma cautelar (provisória) em setembro de 2001. O entendimento do diretor do Departamento de Proteção e Defesa ao Consumidor Ricardo Morishita, que assinou a decisão, é de que, ao não informar devidamente os consumidores, a empresa ofendeu os princípios da boa-fé e da transparência, que constam no Código de Defesa do Consumidor. Além do pagamento da multa, a Todeschini precisará informar nas embalagens dos biscoitos as alterações pelo prazo mínimo de três meses. A redução da quantidade do produto, sem a devida informação ao consumidor, foi verificada pela SDE nos seguintes produtos: - Recheados Pica-Pau (de 200g para 170g); - Waffer Pica-Pau (de 200g para 140g); - Cream Cracker (de 500g para 400g); - Água e Sal (de 500g para 400g); - It Sal (de 400g para 360g); - Maria (de 500g para 400g); - Biscoito Maisena (de 500g para 400g); - Leite (500g para 400g); - Xineke (de 400g para 360g); - Integral (de 125g para 115g); - Xineke (de 100g para 90g); - Champagne (de 200g para 180g); - Rosquinha (de 500g para 400g); - Sortido (de 500g para 400g); - Sortido (de 1kg para 800g).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.