Mauro Pimentel/AFP
Mauro Pimentel/AFP

Top Picks: Abril começa com exportadoras ganhando espaço em recomendações

Dólar no patamar de R$ 5,70 e acumulando alta de mais de 10% em 2021 beneficia as empresas que têm boa parte de suas receitas originadas com vendas ao exterior

Renato Carvalho, O Estado de S.Paulo

02 de abril de 2021 | 04h00

Após um mês de março cheio de balanços e turbulências no cenário político, abril começa com as corretoras buscando segurança com indicações em exportadoras. O dólar chegou ao patamar de R$ 5,70 nesta quinta-feira, 1, e já registra alta superior a 10% em 2021. Essa tendência beneficia as empresas que têm boa parte de suas receitas originadas com vendas ao exterior.

Nas alterações feitas nas carteiras semanais e mensais, é possível ver a participação de empresas como Vale, JBS, Suzano e Weg crescer. Petrobrás e PetroRio também estão bem cotadas, já que o petróleo continua em trajetória de recuperação, cotado acima dos US$ 60 o barril, após ficar abaixo dos US$ 40 durante a crise.

O maior exemplo desta tendência está na carteira do Banco do Brasil Investimentos (BB-BI). Além de manter Vale ON em sua lista para abril, o banco listou Gerdau PN, Petrobrás PN, Unipar PNB e Weg ON. A fabricante de motores elétricos e outros produtos para a indústria tem a maior parte de suas receitas provenientes de exportações.

O Modalmais incluiu Petrobrás PN e Vale ON em sua lista, ao lado de Itaú Unibanco PN e Porto Seguro ON, e manteve Gerdau PN. "Os segmentos de mineração e siderurgia são muito bem avaliados para os próximos anos, por conta dos investimentos em infraestrutura que serão feitos em todo o mundo, assim como na construção civil", afirma a equipe do banco. "São duas empresas bem geridas e com boas expectativas de distribuição de resultados aos acionistas."

A Órama Investimentos fez uma troca de exportadoras para a próxima semana, retirando Gerdau PN e Suzano ON e selecionando CSN ON e Marfrig ON. Sobre a siderúrgica, a equipe da corretora diz que "seguimos confiantes com o momento para investimentos em commodities. A retomada das economias ao redor do mundo serão drivers importantes para que os resultados das siderúrgicas sigam em expansão". Em relação à Marfrig, a Órama afirma que a empresa ainda vai se beneficiar da desvalorização do real por algum tempo, por ser uma das maiores exportadoras de proteína animal do mundo.

Nas carteiras mensais, a Ágora Investimentos manteve somente Vale ON, que em abril será acompanhada de Cesp PNB, JBS ON, PetroRio ON e Santos Brasil ON.

A Genial Investimentos trocou B3 ON e Suzano ON por Rede D'Or ON e Weg ON. A Singulare retirou BRMalls ON para a entrada de Via Varejo ON. A Necton tem uma nova lista para este mês, composta por BB Seguridade ON, Ser Educacional ON, Totvs ON, Via Varejo ON e Weg ON.

Nas listas semanais, a Guide Investimentos fez três alterações, retirando Aliansce Sonae ON, Itaú Unibanco PN e Mercado Livre para as entradas de Gol PN, GPA ON e Suzano ON.

A XP também fez três mudanças, com as saídas de Bradespar PN, Cemig PN e Itaú Unibanco PN para inserir B3 ON, BTG Pactual Unit e Totvs ON.

A MyCap fez duas mudanças, com as saídas de Cosan ON e Randon PN para as entradas de Localiza ON e Usiminas PNA.

Por fim, algumas casas fizeram uma alteração cada em suas listas. Foi o caso do Daycoval, que trocou Unipar PNB por Camil ON. A Mirae Asset retirou Suzano ON para a seleção de Marfrig ON. E a Terra Investimentos decidiu por substituir Sabesp ON por Totvs ON. Veja a lista:

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.