Tóquio cai 0,3% com preocupações geopolíticas

As preocupações geopolíticas e o medo do terror pressionaram a bolsa de Tóquio, mas o mercado conseguiu reverter parte das perdas antes do fechamento graças a um movimento de compra de ações com preços baixos. O índice Nikkei 225 terminou em queda de 0,33%, ou 37,42 pontos, em 11.281,09 pontos. Os investidores "começaram a procurar papéis descontados após o índice ter caído abaixo do nível de 1.1158 pontos, que foi visto como o suporte técnico do dia", comentou o analista Hiroichi Nishi, da Nikko Cordial Securities. Esse movimento ajudou principalmente as ações de bancos, retirando-as do vermelho. Sumitomo Mitsui Financial Group e UFJ Holdings fecharam em alta de 2,3%, enquanto Mitsubishi Tokyo Financial Group ganhou 0,8%. Os operadores esperam que o Nikkei continue encontrando suporte técnico em 11 mil pontos, apesar da perspectiva fraca para o equilíbrio entre oferta e demanda até o final do atual ano fiscal, em 31 de março. As preocupações com o terrorismo, entretanto, "tornam difícil falar em níveis específicos para os quais o Nikkei pode subir ou cair" no curto prazo, disse o estrategista sênior da Okasan Securities, Tetsuya Ishijima. Os investidores deverão continuar procurando ações mais sensíveis à economia, como de varejistas, enquanto permanecem cautelosos com companhias que têm operações no exterior, disse ele. Os papéis de empresas do setor imobiliário fecharam em baixa, com os investidores realizando lucros depois dos ganhos acentuados registrados recentemente.

Agencia Estado,

23 Março 2004 | 08h32

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.