Divulgação
Divulgação

finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Tornado derruba granja e mata 8 mil pintinhos em Cafelândia, no PR

Construção desabou e provocou prejuízo de aproximadamente R$ 350 mil, que deverá ser coberto pelo seguro

Sandro Villar, Especial para O Estado de S. Paulo

25 de setembro de 2014 | 17h16

 



CAFELÂNDIA - Cerca de oito mil pintinhos, com apenas 14 dias de vida, morreram na Granja da Jussara, em Cafelândia, no Paraná, destruída por um tornado. Outras dez mil aves sobreviveram e foram resgatadas pelos proprietários. 

Os pintinhos mortos ainda estavam sob os escombros nesta quinta-feira, após o acidente na véspera. "A retirada está prevista para segunda-feira", disse diz Cleusa Viel, de 65 anos, sócia da granja."Estamos esperando a chegada de peritos de Porto Alegre ou de São Paulo". 

A destruição do aviário, como ela prefere chamar o local, foi total: "O tornado derrubou uma construção inteira de 100 metros de comprimento por 12 metros de largura, não sobrou nada, tudo veio abaixo", explicou. Ela calculou o prejuízo em R$ 350 mil. "Ainda bem que tem seguro", contou aliviada.

Além da granja, o tornado derrubou um pinheiro e torres de energia elétrica. As aves mortas estariam prontas para o abate em pouco mais de 30 dias. 

 

Tudo o que sabemos sobre:
Tornado

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.