carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Toyota anuncia prejuízo de US$ 4 bi

Foi o primeiro resultado negativo da montadora japonesa em 59 anos

Dow Jones, TÓQUIO, O Estadao de S.Paulo

09 de maio de 2009 | 00h00

Abalada pela estagnação da demanda e pela valorização do iene, a Toyota anunciou seu primeiro prejuízo em 59 anos e disse que prevê mais resultados negativos neste ano.No balanço do último ano fiscal, encerrado em março, a Toyota acumulou prejuízo líquido de US$ 4,4 bilhões (436,94 bilhões de ienes), contra lucro de US$ 17,3 bilhões no ano fiscal anterior. Apenas no quarto trimestre fiscal, a montadora contabilizou um prejuízo líquido de US$ 7,696 bilhões, saindo de um lucro de US$ 3,2 bilhões no mesmo período do ano anterior, o maior prejuízo trimestral da empresa e um dos maiores já registrados por uma indústria japonesa. Para o ano fiscal corrente, a se encerrar em março de 2010, a maior montadora do mundo em volume de vendas prevê um prejuízo líquido de US$ 5,5 bilhões. Os resultados decepcionantes daquela que já foi a montadora mais rentável do mundo realçam a extensão da crise no setor automotivo e são um mau presságio para os balanços que as concorrentes japonesas vão divulgar na próxima semana. A expectativa é de que a Nissan também anuncie prejuízos. No trimestre encerrado em março, a Toyota apresentou prejuízo operacional de US$ 6,8 bilhões, numa forte deterioração do resultado de um ano antes, quando obteve lucro operacional de US$ 4 bilhões. As vendas diminuíram 46%, para US$ 35,7 bilhões no trimestre encerrado em março, de US$ 66 bilhões um ano antes. A fabricante do híbrido Prius, do Corolla e do Lexus vendeu 7,57 milhões de veículos em todo o mundo no último ano fiscal, e prevê uma queda para 6,5 milhões neste ano fiscal. Também nesta sexta-feira, a Fuji Heavy Industries, que fabrica os carros da marca Subaru e na qual a Toyota tem participação de 16%, anunciou prejuízo de US$ 706 milhões (769,93 bilhões de ienes) no ano fiscal encerrado em março, seu primeiro prejuízo em 15 anos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.