TRF cassa liminar que suspendia venda de ações do BB

A juíza Maria do Carmo, do Tribunal Regional Federal (TRF), da 1ª Região, decidiu hoje cassar a liminar concedida há cerca de duas semanas aos acionistas minoritários do Banco do Brasil, que suspendia processo de venda das ações do banco. A liminar havia sido concedida pela 14ª Vara da Justiça Federal em Brasília. A retomada do processo de venda das ações ficará agora a cargo do BNDES.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.