EFE/ Shawn Thew
EFE/ Shawn Thew

Trump diz que vai encontrar presidente da China no G-20

O presidente afirmou que há muitas companhias deixando a China para voltar aos Estados Unidos

Eduardo Gayer, O Estado de S.Paulo

23 de maio de 2019 | 18h07

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, confirmou que irá se encontrar com o presidente chinês, Xi Jinping, durante as reuniões do G-20 que acontecerão em junho. Ao comentar o anúncio de US$ 16 bilhões em incentivos fiscais a fazendeiros americanos feito hoje, Trump pontuou que os EUA ajudaram a "construir a China nos últimos 30 anos".

"A China não nos dava nada, agora nos dá milhões", declarou, em referência às tarifas sobre importações de produtos chineses aplicadas por sua gestão, acrescentando que "agora é hora de insistirmos em um bom acordo para agricultores".

O chefe da Casa Branca ainda afirmou que há muitas companhias deixando a China para voltar aos Estados Unidos, como resultado de sua política tarifária. Trump aproveitou para defender o acordo Estados Unidos-México-Canadá (USMCA, na sigla em inglês), que seria "muito melhor que Nafta, o pior acordo já feito pelos EUA"

Houve também críticas aos democratas, que não estariam fazendo "nada além de investigar" o presidente. Sobre a presidente da Câmara, Nancy Pelosi, Trump afirmou que a líder "não entende nada de contas públicas, mas precisa aprender".

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.