Pablo Martinez Monsivais/AP
Pablo Martinez Monsivais/AP

Trump pode tomar decisão a respeito de tarifas sobre automóveis até 18 de maio

Nesta semana, reportagens na imprensa americana afirmavam que o presidente iria adiar uma decisão sobre o assunto

Gabriel Bueno da Costa, O Estado de S.Paulo

16 de maio de 2019 | 09h10

O Secretário de Comércio dos Estados Unidos, Wilbur Ross, disse nesta quinta-feira, 16, que o presidente Donald Trump pode tomar uma decisão a respeito de eventuais tarifas sobre a importação de automóveis até 18 de maio. Segundo Ross, porém, Trump poderá adotar várias medidas no caso, entre elas a extensão no período de negociações sobre o tema.

Nesta semana, reportagens na imprensa americana afirmavam que o presidente iria adiar uma decisão sobre o assunto. A declaração de Ross não confirma isso, mas o secretário disse que esta seria uma das possibilidades.

Em entrevista à Fox Business, ele também defendeu o decreto da última quarta, 15, para restringir a participação no setor de telecomunicações por questão de segurança. O secretário comentou que, com a tecnologia 5G, tudo ficará mais interligado, o que demanda um cuidado maior com a segurança. Na prática, o decreto restringe a participação de empresas chinesas nos EUA, sobretudo a Huawei. A China já reclamou da medida, em um momento de dificuldades nas negociações bilaterais e tarifas dos dois lados.

Para Ross, as tarifas são um instrumento legítimo para se conseguir mudanças no comércio. De acordo com ele, há conversas em andamento com Canadá e México sobre tarifas americanas em aço e alumínio, atualmente em vigor.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.