Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Tsipras diz que não quer romper com a Europa

O primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, disse neste sábado que não busca ruptura com a Europa depois que seu país sem dinheiro apresentou uma lista de reformas aos seus credores em uma tentativa de garantir fundos tão necessários.

COSTAS PITAS, REUTERS

28 de março de 2015 | 17h50

O governo esquerdista de Tsipras concordou com uma extensão para o seu fundo de resgate de 240 milhões de euros em fevereiro, ainda que com ajuda congelada, e agora precisa acertar um conjunto de reformas que enviou a seus credores da União Europeia e do Fundo Monetário Internacional na sexta-feira, a fim de evitar a falência.

A nação cansada de austeridade vai ficar sem dinheiro até 20 de Abril, uma fonte disse à Reuters na terça-feira, se não desbloquear o financiamento necessário.

"O problema de liquidez é, naturalmente, o que dificulta a situação, mas eu acredito que vai ser abordado imediatamente, uma vez que chegarmos a um acordo sobre reformas", Tsipras disse em entrevista ao jornal Real News.

Depois de responder a uma pergunta sobre as tentativas do governo para lidar com a corrupção, Tsipras foi perguntado se ele queria uma ruptura ou uma solução com os parceiros da Grécia: "Minha opinião sempre foi a mesma: uma ruptura com a corrupção, uma solução com a Europa".

Tudo o que sabemos sobre:
MACROGRECIAEUROPA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.