bolsa

E-Investidor: Itaúsa, Petrobras e Via Varejo são as ações queridinhas do brasileiro

Turbulência no mercado mundial força FMI a se adaptar, di Rato

A turbulência nos mercados mundiaisde crédito ilustra os perigos dos setores financeirosconectados globalmente e a necessidade de o Fundo MonetárioInternacional (FMI) se adaptar, afirmou nesta quinta-feira odiretor-gerente do organismo, Rodrigo de Rato. Com sua abrangência universal, o Fundo deveria desempenharum papel importante em assegurar a estabilidade do sistemafinanceiro global, assunto que será o foco da reunião anual doFMI e do Banco Mundial neste final de semana, acrescentou Rato. O FMI defronta-se com questões duras sobre sua posição nomundo num momento em que cada vez menos países emergentesrecorrem à instituição para socorro financeiro. "Não acho que o FMI precise de um novo papel, mas o FMIprecisa mudar para ser capaz de desempenhar seu papel em ummundo de desafios", avaliou Rato, que deixa a chefia doorganismo neste mês. "Países desenvolvidos e em desenvolvimento estão vendonovas oportunidades, mas também novos desafios. No momento,estamos vendo no mundo os desafios dos países desenvolvidos eas oportunidades das economias emergentes." Rato acrescentou que os países-membros do Fundo estãochegando a um acordo sobre como realocar o poder de voto nainstituição, mas não deu detalhes.

LESLEY WROUGHTON, REUTERS

18 de outubro de 2007 | 18h24

Tudo o que sabemos sobre:
MACROFMIPAPEL

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.