UBS já fez acordo nos EUA

UBS já fez acordo nos EUA

O banco suíço aceitou pagar uma multa de US$ 780 milhões

O Estado de S.Paulo

14 de outubro de 2014 | 02h04

Nos últimos anos, a pressão sobre a Suíça em relação aos seus bancos fez com que o UBS chegasse a um acordo com o governo americano. Além de pagar uma multa de US$ 780 milhões, o banco aceitou entregar ao Fisco dos Estados Unidos o nome de milhares de correntistas americanos que achavam que haviam transferido suas fortunas para a Suíça para jamais serem descobertos.

Com o novo processo hoje, porém, é o próprio sistema que promete ser escancarado. Raoul Weil, depois de ser indiciado em 2009, conseguiu fugir. Mas, em 2013, foi preso na Itália e extraditado para os EUA. Hoje, ele aguarda seu julgamento em liberdade condicional, depois de deixar depositado US$ 10,5 milhões na conta da Justiça.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.