seu bolso

E-Investidor: O passo a passo para montar uma reserva de emergência

UE anuncia salvaguardas para aço e atinge o Brasil

A União Européia anunciou hoje as medidas de salvaguardas contra a importação de produtos de aço de terceiros países. Estas medidas atingem 15 categorias de produtos, são válidas por seis meses e entram em vigor a partir da próxima semana, após serem publicadas oficialmente.O Brasil foi atingido em duas categorias: folhas de aço para embalagem e barras e perfis de aço liga. Estas categorias sofrerão tarifas extra-cotas que variam entre 14,9% e 26%. Estes setores de aço atingidos representaram, no ano passado, exportações acima de US$ 50 milhões. A Argentina foi atingida em três categorias de aço.A categoria de ferro branco ou aço para embalagens inclui 17 produtos e o volume anual da cota foi estabelecido em 308.697 toneladas. A tarifa extra-cota imposta a esta categoria é de 17,1%. Para a categoria barras e perfis de aço o volume de cota estabelecido é de 99.823 toneladas e a tarifa alfandegária é de 26%.A UE impôs tarifas sobre a importação de aço que ultrapassar 11 milhões de toneladas métricas por ano, em resposta às medidas protecionistas norte-americanas, informou um oficial da Comissão Européia.Essa ação da UE não é destinada a reduzir as importações, mas busca evitar um aumento das importações de aço na Europa a partir dos países afetados pelas tarifas norte-americanas, disse o oficial.A UE teme que os produtores de países como a China ou Coréia do Sul tentem descarregar o seu aço na Europa, após a sobretaxa imposta pelos EUA de até 30% sobre as importações de aço.O comissário da UE, Pascal Lamy, vem reiterando que a Europa não permitirá que os excedentes de aço inundem o mercado de aço europeu, pressionando os preços do produto e colocando os empregos em risco.Atualmente as importações da UE estão em torno de 26 milhões de toneladas anuais e as medidas anunciadas nesta segunda-feira atingem 40% delas, ou 10,4 milhões de toneladas/ano.As medidas de salvaguarda da UE devem ser publicadas primeiramente no Diário Oficial para entrarem em vigor, o que está previsto para a próxima semana, dia 3 de abril.

Agencia Estado,

25 de março de 2002 | 10h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.