UE e Mercosul definem calendário para negociação de acordo

Mercosul e União Européia (UE) chegam a um entendimento sobre um calendário para as negociações para a criação de um acordo comercial, processo que estava paralisado há um ano. Em um encontro hoje em Bruxelas, ministros dos dois lados do Atlântico ainda acertaram as áreas em que concentrarão suas atenções a partir de agora, entre elas o debate sobre acesso a mercado e liberalização do setor de serviços. Apesar dos esforços do Brasil em mostrar que as decisões da reunião foram significativas, o entendimento não deixou os exportadores agrícolas do País satisfeitos. "A reunião pode ter sido importante para relançar o processo. Mas estamos andando em círculos. Esperávamos avanços concretos, o que não ocorreu. Todo os obstáculos que existiam antes ainda estão presentes. O que vimos foi apenas manifestações de intenções", afirmou o chefe do Departamento de Assuntos Internacionais e de Comércio Exterior da CNA, Antônio Donizete Beraldo. A agenda de trabalho de agora para frente incluirá uma reunião em novembro, outra em fevereiro e mais um encontro ministerial antes de maio de 2006.

Agencia Estado,

02 Setembro 2005 | 19h18

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.