UE terá "papel ativo" nas negociações com Argentina

O ministro das Finanças da Espanha, Rodrigo Rato, disse que a União Européia vai desempenhar um "papel ativo" nas conversações entre a Argentina e os investidores internacionais. Falando a um comitê do Parlamento Europeu, Rato afirmou que a Argentina e os credores e investidores internacionais precisarão chegar a um consenso. "Se o governo argentino muda algumas das regras, ele terá de chegar a um consenso com os credores, de modo que seja mantida a confiança na economia argentina. Estou convencido de que a União Européia vai desempenhar um papel ativo na busca de soluções que permitam à sociedade argentina alcançar um crescimento maior e a prosperidade que, infelizmente, eles não desfrutam atualmente", disse o ministro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.