Ultra está perto de comprar postos da Texaco no País

A compra do setor de distribuição de combustíveis no Brasil da companhia norte-americana Texaco pelo Grupo Ultra está quase certa, segundo fontes que acompanham as negociações. Três fontes ligadas às empresas confirmaram que faltam poucos detalhes para a transação ser concluída. Segundo uma dessas fontes, a aquisição estaria sendo avaliada pelo departamento jurídico da Ipiranga, que desde sua aquisição, em março do ano passado, pelo consórcio formado pelo Ultra, Petrobras e Braskem, teve sua fatia de distribuição de combustíveis nas regiões Sul e Sudeste transferida para as mãos do Ultra. O restante das operações ficou com a Petrobras.Em nota oficial, o Ultra informou que vem avaliando novas oportunidades e que tem interesse no negócio, mas não há detalhes sobre negociação. "Todas as oportunidades de crescimento e aquisições em distribuição de combustíveis, atuais ou futuras, estão sendo ou serão analisadas", diz a nota da empresa, cujas ações preferenciais subiram ontem 2,07% na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), ante uma valorização de 0,12% do Ibovespa. A Texaco não comentou as negociações. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo..

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.