Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Um prédio feito de luz

Nos escritórios da sede da gigante alemã ThyssenKrupp, na cidade de Essen, a iluminação virou elemento determinante na arquitetura. Em vez de holofotes do lado de fora, é a composição das luzes do interior que define o desenho do edifício.

, O Estado de S.Paulo

23 de maio de 2011 | 00h00

O projeto foi o vencedor da 28.ª edição do prêmio anual GE Edison Award e é assinado por Alexander Rotsch e Schulz Andreas, da Licht Kunst Licht AG - empresa de design de iluminação com sede em Bonn, também na Alemanha. O júri analisa categorias como funcionalidade, compatibilidade da arquitetura e uso efetivo da arte nos produtos de iluminação.

Enquanto à noite as milhares de LED redesenham as formas do prédio, durante o dia, o atrium, que se estende por mais de 11 andares, enche de luz natural o interior do edifício.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.