Um terço dos brasileiros já tem telefone celular

Quase um terço da população brasileira já possui telefones celulares, segundo balanço da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) divulgado hoje. Foram registradas 54 milhões de linhas em junho de 2004, um aumento de 1,6 milhão em relação a maio. Nos últimos doze meses o crescimento foi de 48%.Segundo a agência, o número atual de linhas já supera em 2,92% a previsão para dezembro de 2004, que havia sido feita em 2000. O crescimento intensificou-se no ano passado, como mostra a evolução da densidade de linhas por 100 habitantes: era de 17,86 em junho de 2002 e subiu para 21,51 em junho de 2003, chegando a 30,17 em junho deste ano. Esta explosão deve-se principalmente aos telefones pré-pagos, que permitem à população de baixa renda um acesso ao serviço com controle maior dos gastos, apesar de pagar uma tarifa mais elevada. Os pré-pagos representam 79,06% das linhas móveis existentes.O balanço mostra ainda uma evolução da competição no setor. Ao contrário do que ocorre na telefonia fixa, onde as sucessoras da Telebrás dominam o mercado, as ex-subsidiárias da estatal, localizadas na Banda A, possuem 53,92% do mercado. As novas empresas conquistaram quase metade dos clientes. Como conseqüência dessa competição, a pesquisa registra também um aumento no número de aparelhos que usam a tecnologia européia GSM. Essa tecnologia passou de 8,22% do mercado em junho de 2003 para 23,13% no mês passado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.