Uma obra polêmica

1. Justiça. Os canteiros de obras de Belo Monte continuam em atividade porque o consórcio não recebeu a notificação do Tribunal Regional Federal para paralisar as operações.

O Estado de S.Paulo

18 de agosto de 2012 | 03h06

2.Recursos. Contratos do BNDES para financiar a obra estão quase prontos, mas a decisão do TRF do Pará deve atrasar a liberação do dinheiro.

3.Clima. Por causa do período de chuvas na região onde a usina hidrelétrica de Belo Monte será instalada, os engenheiros têm até o início de dezembro para aproveitar o "tempo seco" e tocar uma série de obras.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.