Eduardo Duarte|Estadão
Eduardo Duarte|Estadão

União gastou R$ 602 mi em julho para cobrir calote de governos regionais

Maior parte desse montante é refere aos débitos de Minas Gerais, que somaram R$ 417,27 milhões no mês passado; no ano, rombo já consumiu R$ 2,4 bi do Tesouro

Eduardo Rodrigues, O Estado de S.Paulo

20 Agosto 2018 | 15h40

BRASÍLIA - A União desembolsou R$ 602,42 milhões em julho para cobrir o calote dos governos regionais (Estaduais e municipais), que não conseguiram saldar as dívidas garantidas do período. A informação consta no relatório divulgado nesta segunda-feira, 20, pelo Tesouro Nacional. 

A maior parte desse montante é refere aos débitos de Minas Gerais, que somaram R$ 417,27 milhões no mês passado.

Em julho, o Tesouro Nacional honrou ainda R$ 124,13 milhões em dívidas do Estado do Rio de Janeiro, R$ 55,49 milhões em débitos do Piauí e R$ 5,53 milhões em dívidas do Estado de Roraima.

Rombo acumulado

De janeiro a julho, a União assumiu o pagamento de R$ 2,496 bilhões em dívidas não honradas por governos Estaduais e municipais. 

O Rio de Janeiro - que aderiu ao Regime de Recuperação Fiscal dos Estados - teve R$ 1,985 bilhão em dívidas pagas pelo Tesouro nos primeiros sete meses do ano. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.