finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Unibanco confirma saída de Alexandre Schwartsman

O economista Alexandre Schwartsman não trabalha mais no Unibanco, onde ocupava o cargo de economista-chefe. Segundo informou a assessoria de imprensa do Unibanco à Agência Estado>, Schwartsman deixou a instituição ontem. Mas a assessoria não tem mais detalhes sobre o que teria motivado a saída do economista, tido como um dos principais profissionais na área, tanto pelo mercado financeiro como pelo governo. Há rumores na praça financeira esta manhã de que Schwartsman substituirá Beny Parnes na diretoria de Assuntos Internacionais do Banco Central. Procurada pela AE, a assessoria do BC disse que não havia nenhum anúncio para fazer sobre o assunto. A saída de Parnes, um dos últimos remanescentes da equipe de Armínio Fraga, é esperada pelo mercado já há algum tempo. Na casa do economista, em São Paulo, a informação é de que ele viajou. Schwartsman ainda assinou o último boletim do Unibanco, na segunda-feira, dia 8, com o título "Welcome to the hotel California", que tratava da balança comercial.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.