Unibanco lança PGBL para público jovem

A Unibanco AIG Previdência acaba de laçar um novo Plano Gerador de Benefício Livre (PGBL) - fundo de previdência privada - voltado ao público jovem, o Prever Kids. Um dos diferenciais desse novo fundo é que ele pode ser contratado em nome do beneficiário - seja filho, neto, sobrinho ou afilhado - e não em nome do pai, como é usual. Além disso, o contratante que presentear o menor pode optar também pela idade em que o jovem começará a usufruir do benefício, entre 18 e 24 anos - enquanto nos outros planos o limite é de 21 anos - e o período de recebimento da renda temporária, durante quatro, cinco ou seis anos. O jovem pode também optar por continuar contribuindo para outro plano de previdência.O Prever Kids concentra todos os recursos investidos num fundo de renda fixa, o Prever Varejo Fix 100, cujo desempenho no primeiro semestre foi superior ao da caderneta de poupança. As taxas cobradas variam de acordo com o número de contribuições: até a 60ª contribuição a taxa de carregamento fica em 5%; a partir da 61ª contribuição essa taxa cai para 2,5%. A taxa de administração financeira é de 3,5% ao ano.A contribuição mínima mensal é de R$ 80,00, mas se o plano for feito para mais de um menor essa quantia cai para R$ 40,00 em cada um. O produto inclui um seguro de vida que garantirá, no caso do falecimento do pai ou responsável, uma pensão no mesmo valor da renda temporária contratada, que será paga até os 24 anos. Para efeito de Imposto de Renda, as contribuições podem ser deduzidas da base de cálculo do Imposto de Renda até o limite de 12% da renda bruta anual. No caso de necessidade, após uma carência inicial de 180 dias e, depois, a cada 60 dias, poderão ser feitos resgates.

Agencia Estado,

21 de novembro de 2001 | 16h17

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.