finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Unipar vai permanecer como empresa, diz presidente

A Unipar, mesmo sendo a controladora da nova empresa petroquímica anunciada hoje - com 60% de participação na empresa, e 40% da Petrobras -, não deixará de existir "como companhia", assegurou o presidente da empresa, Roberto Garcia. Ele fez o comentário ao ser questionado por jornalistas se a atuação da Unipar, devido ao anúncio da nova companhia, se limitaria agora a ser simplesmente uma holding controladora.O executivo negou que seja essa a intenção da empresa. Em entrevista coletiva à imprensa para falar sobre o tema, na sede da Unipar no Rio, Garcia informou que, além de ser controladora da nova companhia petroquímica, mais cinco empresas permanecerão conectadas à Unipar - sem estarem englobadas nessa nova grande empresa, anunciada hoje. "A Unipar permanece, a Unipar não deixa de existir. Estamos ligados a outras cinco empresas, como a Carbocloro; a União Terminais; a Petroflex; a Unipar Comercial e a Polibuteno", disse.

ALESSANDRA SARAIVA, Agencia Estado

30 de novembro de 2007 | 14h14

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.