United troca Boeing 777 pelo 767 nas rotas do Brasil

A companhia americana concordatária United Airlines decidiu trocar aeronaves grandes por outras menores nas rotas entre EUA e Brasil a partir do dia 13 de março. O objetivo é adequar a frota à demanda, que diminui para vôos turísticos a partir do próximo mês. A empresa poderá rever a decisão em junho, quando recomeça a alta temporada. Os Boeing 777 (Triple Seven), com capacidade para 265 passageiros, serão substituídos por Boeing 767, para 186 passageiros. Por causa da substituição, o espaço para o transporte de carga na barriga das aeronaves vai cair pela metade. O Boeing 777 carrega até 30 toneladas de carga, enquanto o 767, apenas 15 toneladas. Na mesma data, a United Airlines cancela o vôo direto entre o Rio de Janeiro e Miami, nos EUA. O vôo para Miami passará a sair do Aeroporto Internacional de São Paulo. O avião com os passageiros que embarcarem no Rio fará escala em Guarulhos e de lá partirá para os EUA. Em Guarulhos, o passageiro do Rio de Janeiro pode fazer conexões nos vôos diretos para Chicago e Washington. A United opera quatro vôos diários entre Brasil e EUA. A companhia fatura por ano cerca de US$ 200 milhões no Brasil, o que o torna o sexto principal mercado fora dos EUA.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.