Universidade quer ampliar o impacto de sua pesquisa

Em abril, a Universidade de São Paulo anunciou o investimento de R$ 70 milhões em 43 projetos inscritos em seu Programa de Apoio à Pesquisa. Sete deles são centros de instrumentação. O Centro Interdisciplinar em Tecnologias Interativas foi um dos projetos selecionados.

O Estado de S.Paulo

30 de outubro de 2011 | 03h08

"A universidade já investe em pesquisa três vezes mais o que capta externamente, mas de maneira difusa", afirmou o pró-reitor de Pesquisa da USP, Marco Antonio Zago. "Com os centros, é possível reunir grupos independentes que trabalham em temas correlatos, num objetivo claro de pesquisa."

Cada centro de instrumentação receberá R$ 1,5 milhão do programa. Além de recursos, terão outras vantagens, como viagens de pesquisadores ao exterior. "Esperamos uma melhora no impacto e na qualidade da pesquisa", disse Zago. / R.C.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.