Usiminas anuncia demissão de 60 trabalhadores em Ipatinga

Por conta da retração da demanda, queda nas vendas da companhia chegará a 42% no 1º trimestre de 2009

Raquel Massote, da Agência Estado,

16 de janeiro de 2009 | 19h04

A Usiminas confirmou nesta sexta-feira, 16, a demissão de 60 trabalhadores na Usina Intendente Câmara em Ipatinga, no Vale do Aço mineiro. Segundo a empresa, "reduções no quadro de pessoal têm ocorrido, mas de forma pontual e criteriosa, priorizando empregados em condições de se aposentar ou aqueles aposentados que foram recontratados, em um período no qual a demanda forte se justificava".   Veja também: De olho nos sintomas da crise econômica  Dicionário da crise  Lições de 29 Como o mundo reage à crise    A Usiminas é uma das principais siderúrgicas fornecedoras de matéria-prima para a indústria automobilística. Por conta da retração da demanda, a queda nas vendas consolidadas da companhia chegará a 42% no primeiro trimestre de 2009, em comparação com o mesmo período do ano anterior.   Em nota, a companhia informou que,por conta da queda na demanda por produtos siderúrgicos,"tem orientado seu foco estratégico para a redução de custos".   A empresa explicou que o processo tem sido realizado com o apoio da consultoria McKinsey, para identificar oportunidades de redução de custos variáveis e minimização dos gargalos de produção.   Conforme a Usiminas, nos últimos dois meses foram identificados ganhos potenciais da ordem de R$ 220 milhões na área industrial, que poderão ser viabilizados ao longo de 2009.   Mineração   As demissões que vem sendo verificadas em outras regiões do Estado deverão gerar um novo protesto na próxima semana. Os trabalhadores vinculados ao Sindicato dos Trabalhadores da Indústria da Extração de Metais em Congonhas e Ouro Preto (Metabase Inconfidentes) pretendem realizar uma manifestação em Congonhas, na próxima quinta-feira, às 16 horas, reunindo trabalhadores de outros municípios da região como Ouro Branco, Conselheiro Lafaiete, São Brás do Suaçuí, Entre Rios de Minas, além de delegações de Ouro Branco e Ouro Preto.     Desde o ano passado, o Metabase Inconfidentes registrou a homologação de mais de 900 demissões entre trabalhadores da área de mineração na região. Entre estes estão 150 funcionários das minas da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), Vale e Gerdau-Açominas.

Tudo o que sabemos sobre:
IpatingaUsiminasSiderúrgicas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.