bolsa

E-Investidor: Itaúsa, Petrobras e Via Varejo são as ações queridinhas do brasileiro

Usinas de Guaíra-SP podem parar esta semana

O presidente do Sindicato dos Químicos de Guaíra (SP), Célio Pimenta, afirmou nesta segunda-feira ao Broadcast, serviço de notícias em tempo real da Agência Estado, que as atividades nas usinas de açúcar e etanol da região, no norte de São Paulo, seguem normalmente, mas que greves ainda podem ocorrer. De acordo com Pimenta, as usina não haviam sido notificadas, oficialmente, sobre a possibilidade de interrupção dos trabalhadores. Se as notificações forem enviadas, as greves podem começar entre esta terça-feira, 28, e quarta-feira, 29, e durar tempo indeterminado, afirmou.

JOSÉ ROBERTO GOMES, Agencia Estado

27 de maio de 2013 | 21h41

Os trabalhadores das usinas Guarani, Açucareira Guaíra, Colorado e Alta Mogiana ameaçam paralisar atividades desde a semana passada, caso não seja aceito o reajuste salarial de 7,16% acrescido de um aumento real de 5% pedido pela categoria. As quatro indústrias empregam cerca de 3 mil trabalhadores. Outra unidade do Estado de São Paulo que ameaçava entrar em greve nesta segunda-feira era a Califórnia, em Parapuã, no oeste do Estado. Procurada pelo Broadcast, a usina afirmou que as operações não haviam sido interrompidas e que as negociações com o sindicato continuam.

Tudo o que sabemos sobre:
Canagreveusinas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.