Uso da capacidade da indústria segue abaixo do usual

A Utilização da Capacidade Instalada (UCI) da indústria está abaixo do usual há sete meses, segundo pesquisa feita pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) com 1.692 empresas.

CÉLIA FROUFE, Agencia Estado

22 de julho de 2011 | 12h50

Os industriais consultados alegaram que no mês passado a produção de suas empresas estava abaixo do que é considerado normal para aquele período específico. As exceções ficaram apenas por conta dos setores farmacêutico e de veículos automotivos.

Pelo dado divulgado hoje pela CNI, o indicador apresenta resultados abaixo de 50 pontos desde dezembro do ano passado, quando estava em 48,2 pontos. Em junho, registrou 44,7 pontos. "Após sete meses de baixa, o sentimento está mais disseminado", avaliou o economista da entidade, Renato da Fonseca.

De acordo com o profissional, essa percepção vem sendo verificada nas companhias de todos os portes e de todas as regiões consultadas. Também foi identificada nos 24 dos 26 setores da indústria da transformação consultados pela CNI, além da indústria extrativa.

As exceções são o segmento farmacêutico (50,9 pontos) e de veículos automotores (50,5 pontos). Fonseca salientou que este indicador é formado por meio de avaliações subjetivas de cada empresário de acordo com o setor de atividade. "Mas este é um indicador de antecedentes", disse o economista.

Tudo o que sabemos sobre:
indústriacapacidade instaladaUCICNI

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.