Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Vale anuncia novas demissões

Empresa informou ontem que serão cortadas de 250 a 300 vagas

Mônica Ciarelli, RIO, O Estadao de S.Paulo

30 de maio de 2009 | 00h00

Depois de demitir 1,3 mil funcionários no final do ano passado, a Vale anunciou ontem novos cortes. Desta vez, serão dispensados de 250 a 300 trabalhadores. Para os sindicatos da categoria, o número será maior do que o informado oficialmente e deve chegar a 850 empregados, nas próximas semanas. Revoltados, os sindicalistas ameaçam invadir as instalações da empresa caso a Vale promova uma demissão em massa. "Se eles vierem com demissões em massa, vamos fazer algo mais sério do que uma greve. Vamos ocupar as instalações", disse Carlos Roberto de Assis, vice-presidente do sindicato Metabase Itabira. Segundo ele, a previsão de chegar até 850 trabalhador foi feita pelo diretor de Recursos Humanos da Vale, André Teixeira, durante um encontro com funcionários. A Vale nega qualquer intenção em promover nova demissão em massa e argumenta que os cortes de agora irão recair sobre trabalhadores que já estão aposentados ou próximos da aposentadoria. A empresa justificou sua decisão explicando que, mesmo com os esforços para não efetuar demissões, a recuperação da demanda do mercado internacional ainda não ocorreu de forma a atender às expectativas da Vale. Os funcionários, de acordo com a companhia, vão receber como gratificação no processo quatro salários e mais seis meses de plano de saúde.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.