Vale assina contrato para transporte de grãos com Ceagro

Contrato tem duração de 25 anos e prevê embarque marítimo de 240 mil toneladas de grãos por ano

Agência Estado,

21 de dezembro de 2009 | 11h44

A Vale assinou contrato de 25 anos com a Ceagro Agronegócios para transporte e embarque marítimo de 240 mil toneladas de grãos por ano, pela Estrada de Ferro Carajás (EFC) e Ferrovia Norte Sul (FNS), segundo comunicado divulgado há pouco pela Vale à imprensa. A Ceagro Agronegócios atua na compra e venda de grãos e insumos.

 

Para a operação, a Ceagro alugará 30 vagões graneleiros da Ferrolease, empresa que oferece serviços de aluguel de equipamentos ferroviários. Os grãos serão transportados na rota Porto Franco (TO) e Colinas do Tocantins (TO) para São Luis (MA), onde serão embarcados no Terminal Marítimo de Ponta da Madeira.

 

O corredor logístico formado pelas ferrovias Carajás e Norte Sul atenderá os clientes das regiões do Maranhão, Piauí e Tocantins, além de fomentar a produção de grãos em outros estados brasileiros, como Bahia e Mato Grosso, segundo a Vale. "Este contrato demonstra a confiança dos clientes em nosso corredor logístico no Norte e Nordeste do país, como nova alternativa competitiva para o escoamento de grãos dessas regiões", afirmou o diretor de Comercialização de Logística da Vale, Marcello Spinelli, por meio de nota.

 

Segundo o presidente da Ferrolease, Estefano Vaine Júnior, esta forma de contrato é inédita no Brasil. "Este é o primeiro contrato de locação com 25 anos que temos dentro do segmento ferroviário no Brasil", disse em comunicado. Em 2009, a Estrada de Ferro Carajás e a Ferrovia Norte Sul deverão transportar cerca de 1,7 milhão de toneladas de grãos.

Tudo o que sabemos sobre:
Valegrãostransportelogística

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.