Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

Vale do Rio Doce entra em negócio de carvão na Austrália

A mineradora brasileira Companhia Vale do Rio Doce (CVRD) assinou um acordo com as firmas australianas Aquila Resources Limited (Aquila) e AMCI Holdings Austrália Pty Ltd (AMCI) para desenvolver minas de carvão no estado de Queensland, na Austrália.Segundo um comunicado difundido nesta quarta-feira pela Vale, as reservas estimadas destes jazidas somam 2,7 bilhões de toneladas de carvão metalúrgico, que é usado para a elaboração de aço, razão pela qual o acordo se insere nos projetos da principal empresa privada brasileira para se diversificar.A CVRD pagará 2,5 milhões de dólares a cada uma das duas empresas australianas para desenvolver um projeto de exploração dos jazidas, situadas na cidade de Beldevere.Depois deste estudo de viabilidade, que deverá ser concluído nos próximos 18 meses, a Vale poderá exercer a opção de adquirir 51% das jazidas por 90 milhões de dólares. Em um prazo maior, também poderá adquirir 100% das participações da Aquila e da AMCI nestas jazidas, por um preço que será determinado no momento de exercer as opções de compra, explicou o comunicado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.