Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

Vale e BNDES lançarão programa na área de energia

Programa prevê investimento inicial de R$ 220 milhões em geração sustentável e uso de fontes renováveis

Alessandra Saraiva, da Agência Estado,

06 de novembro de 2007 | 11h36

A Companhia Vale do Rio Doce (CVRD) vai se associar ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para o lançamento de programa de desenvolvimento de tecnologia na área de geração de energia. De acordo com comunicado da mineradora, o programa terá "ênfase em processos de geração ambientalmente sustentáveis e no uso de fontes energéticas renováveis". "O programa de desenvolvimento prevê investimento inicial de cerca de R$ 220 milhões, em um período de três anos", detalhou a empresa, em comunicado. Segundo informe da Vale, o programa prevê a criação do Centro de Desenvolvimento Tecnológico em Energia (CDTE), a ser instalado no Parque Tecnológico de São José dos Campos, no interior de São Paulo. De acordo com informações da mineradora, o CDTE irá realizar programa de pesquisa e desenvolvimento de processos e sistemas para a geração energética. "A CVRD vai utilizar as novas tecnologias que serão desenvolvidas pelo futuro centro, de forma a garantir o abastecimento futuro de energia, para permitir a implantação do nosso plano de investimentos recentemente anunciado e que prevê US$ 59 bilhões para o período 2008/2012", esclareceu a empresa. Segundo a Vale, o programa prevê desenvolvimento de atividades nas áreas de gaseificação de carvão térmico e de biomassa; e pesquisas para a produção de turbinas a gás e motores pesados multicombustíveis. No comunicado, a Vale informou que, nos últimos anos, já investiu US$ 599 milhões na área de energia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.